Você sabe qual a função de uma assessoria contábil especializada para o seu condomínio?

Você tem ideia das melhorias que ela pode trazer?

Ela tem como uma das funções fazer uma espécie de vistoria nas contas e encargos sociais pertencentes ao condomínio.

O síndico, por mais que muitas pessoas se enganem, não tem essa função.

Ele deve administrar os papeis.

Enquanto o contador tem como função contabilizar as entradas e saídas de recursos do condomínio, verificar pagamentos junto a sindicatos de funcionários e organizar os documentos que o síndico gerencia.

A administradora resolve e vistoria uma série de demandas.

No momento do pagamento do salário dos funcionários ela é essencial, pois existe um sindicato responsável, é preciso manter em dia os pagamentos junto às leis trabalhistas.

Os encargos oriundos as contratações de funcionários entram na conta dos gastos do condomínio.

O contador deve mandar o documento para o síndico, o da folha de pagamento junto aos contracheques.

Esses valores devem sempre ser analisados juntos ao sindicato.

Depois que os contracheques são devidamente assinados e os ordenados pagos, no mês seguinte essa documentação volta para a contabilidade para a confecção de um balancete.

O contador deve também verificar a lucratividade do condomínio.

De que maneira?

Ele deve calcular a margem de receita que o edifício acumulou no final de cada mês.

Caso o condomínio não consiga acumular e entre em situação de déficit orçamentário, o problema deve ser indicado no balancete.

Tornando assim mais fácil para que o síndico e os condôminos enxerguem isso.

É feito também um livro contábil contendo entradas e saídas do condomínio. E a partir dele é dado um parecer contábil.

Se forem identificados erros fora do comum é possível que o contador faça um controle nas contas.

E ele também pode fornecer a análise, conciliação bancária e auditoria.

O síndico geralmente se trata de uma pessoa que foi eleita pelos condôminos. E ele é um representante dessa classe.

Por isso é preciso cuidado no momento da votação. A pessoa eleita representará em âmbito geral todos os condôminos.

Ele deve ser capaz de mostrar aos moradores a situação das contas do condomínio e que ele próprio esta em dias com seus pagamentos.

Quem vistoria o trabalho do sindico é a acessória contábil.

É importante que dentro desse trabalho seja apresentado um balancete mensal, de preferência na reunião feita mensalmente com os condôminos.

Esse balancete deixara claro quando e onde o dinheiro foi utilizado.

E serve de base para analisar as ações do sindico e seus investimentos de recursos num bem comum.

Outro fator importante é a organização das contas.

A contabilidade além de revisão e vistoria é também responsável por isso.

Ela deve controlar e organizar as contas.

Para isso há a confecção do livro contábil, esse livro mostra as entradas e saídas, a partir dele há um parecer contábil das contas.

Qualquer erro absurdo ou que mostre estar prejudicando a rentabilidade do condomínio será identificado e controlado a partir de então

É importante que no momento da contratação da empresa que vai verificar as contas do condomínio haja responsabilidade.

Essa será uma escolha decisiva na saúde financeira do seu lar.

Procure um escritório contábil especializado em gestão de condomínios.

Apenas o profissional com conhecimento especifico será capaz de atender as suas necessidades, garantir a valorização do seu imóvel e tranquilidade da sua família.

Não perca mais tempo com amadores

Contrate a gestão contábil especializada.

Essa atitude fará toda diferença na sua qualidade de vida e da sua família.

Leave a Reply

Your email address will not be published.